Notícia

Dólar avança quase 2% com noticiário doméstico e possível impacto sobre reformas

O dólar fechou em firme alta ante o real nesta segunda-feira (15), com o mercado avaliando o recente noticiário local e seus impactos sobre a agenda de reformas fiscais e econômicas.
A moeda, contudo, se afastou das máximas da sessão, na esteira de melhora nos mercados financeiros internacionais após o Federal Reserve (FED, Banco Central dos Estados Unidos) anunciar que comprará a partir de terça-feira (16) títulos corporativos individuais, ampliando o escopo de classes de ativos beneficiadas com seus programas de liquidez.
O dólar à vista subiu 1,92%, a R$ 5,1421 na venda. O real teve o pior desempenho entre as principais divisas globais nesta sessão.
A cotação operou em alta durante todo o dia. Na máxima, disparou 3,60%, para R$ 5,2269. Na mínima, subiu 0,68%, a R$ 5,0797.
O principal índice da bolsa de valores brasileira, a B3, fechou em queda de 0,45% nesta segunda-feira (15), a 92.375 pontos.

Fonte: www.otempo.com.br/coronavirus/dolar-avanca-quase-2-com-noticiario-domestico-e-possivel-impacto-sobre-reformas-1.2349629