Notícia

5 características que você precisa ter para construir uma carreira no mercado financeiro

SÃO PAULO – O mercado financeiro é, de longe, um dos segmentos que mais crescem na atualidade. No último ano, o número de investidores pessoas físicas na bolsa ultrapassou a marca de 3,1 milhões, quase o dobro do registrado em 2019, de 1,6 milhão.

E, como já era de se esperar, à medida que o número de pessoas presentes neste mercado aumenta, cresce também o número de oportunidades de trabalho no segmento.

“O cenário de baixas taxas de juros tem obrigado os investidores a apostarem em produtos mais sofisticados e diversificados, o que torna quase indispensável o acompanhamento de um especialista para encontrar as melhores soluções neste mercado”, afirma Bianca Juliano, especialista em carreiras do mercado financeiro e sócia da XP Inc..

A carreira de assessor de investimentos, por exemplo, é uma das que mais têm ganhado espaço no setor.

“O assessor de investimentos atua como um intermediário na relação entre os investidores e os analistas de investimentos das corretoras. Na prática, eles são responsáveis por prospectar clientes, apresentar orientações e esclarecer dúvidas sobre o mercado financeiro aos investidores, receber ordens e, na sequência, as transmitir aos sistemas de negociações nas corretoras”, explica.

Para quem tem interesse em construir uma carreira na assessoria de investimentos, o Infomoney e a Xpeed School lançaram uma série gratuita com o passo a passo para entrar nesta profissão. Clique aqui para se inscrever agora.

Mas quais são as características e habilidades fundamentais para quem deseja se tornar um assessor de investimentos? Confira essa lista que separamos para você:

1. Gosto por investimentos

Segundo Bianca, gostar do mercado financeiro é essencial para quem deseja migrar para esta profissão.

“O mercado financeiro está em constante transformação. Inúmeros novos produtos financeiros podem surgir e o assessor precisa estar atento a isso. Gostar desse mercado é fundamental porque, quando nós gostamos do que fazemos, estudar as novidades do segmento se torna quase como um passatempo”, afirma.

E, quando o assunto é contratação por parte dos escritórios, o interesse pelo assunto também é um diferencial.

Darla Sierra, head de expansão da VLG Investimentos, conta que identificar os novos talentos no mercado é praticamente sinônimo de procurar por amantes do segmento.

“Buscamos pessoas que tenham aquele brilho nos olhos quando falam de investimentos, porque é esse brilho que o cliente verá quando conversar com ele também. Acredito que o conhecimento técnico possa ser desenvolvido com o tempo sem grandes problemas, mas a paixão pelo assunto é algo que já vem bem antes”, diz.

2. Espírito empreendedor

A possibilidade de empreender dentro do mercado financeiro está entre as características-chave desta profissão. Por isso, não é difícil imaginar que ter um espírito empreendedor esteja também entre as habilidades fundamentais para atuar na área.

“Dizemos que essa é uma profissão extremamente meritocrática porque ela depende 100% de você e, posteriormente, tudo o que você construiu será seu. Ou seja, é praticamente a vida de um empreendedor mesmo. Você constrói a sua carteira de clientes e ela será sua”, explica Darla.

3. Jeito com pessoas

Como já apontamos, o assessor acompanhará seus clientes durante todas as etapas de decisão de investimento, o que significa que lidar com pessoas está entre as principais atividades dessa profissão.

“O assessor precisa conhecer a fundo o seu cliente para conseguir fazer a melhor alocação possível considerando os seus objetivos. Este é um trabalho que requer um tratamento bastante humano por parte do profissional”, afirma Bianca, que também atua como head da Xpeed Pro.

Segundo Darla, a transparência entre o assessor de investimentos e seu cliente é outro quesito que faz toda a diferença no dia a dia da profissão, o que reforça ainda mais a necessidade de diálogo entre as duas partes.

“O trabalho mais importante que temos é buscar a informação no cliente, saber qual é a história dele, qual é o momento de vida em que ele está e onde ele quer chegar. Quanto mais transparente o cliente for com a gente, melhor o nosso trabalho será.”

4. Intensidade

“Diferente das outras profissões, que você pode levar 5, 10 ou até 15 anos para chegar no topo, o assessor de investimentos pode crescer de forma exponencial. Todo seu processo de crescimento dependerá da sua intensidade e somente disso. Não é difícil encontrar assessores que em 1 ano construíram uma carteira de clientes robusta”, conta Bianca.

Segundo a especialista, na prática, ter intensidade é também ser organizado e comprometido com as suas próprias metas.

“Consistência, essa é a palavra. Ser intenso é também ser consistente com suas ações de captação e não desistir na primeira vez que receber um não. Coloque uma meta no seu dia, ‘hoje, vou ligar para 20 pessoas’, e realmente faça isso”, afirma.

5. Propósito

Quando o assunto é propósito, Bianca destaca a importância de refletir sobre o papel do assessor de investimentos na vida de cada cliente.

“Ao ser assessor, você está tratando com um dos bens de maior valor das pessoas, e nesse caso, não me refiro ao dinheiro, mas, sim, à vida toda daquela pessoa, porque geralmente são valores acumulados ao longo de uma vida inteira de suor e trabalho que você vai cuidar por meio da sua profissão”, afirma.

“O propósito da profissão é a gasolina para colocar todo o caminhão de conhecimento que o assessor adquiriu sobre o mercado. É entender que ajudar as pessoas a investirem melhor é também proporcionar liberdade para elas; a liberdade delas realizarem seus sonhos.”

Fonte: https://www.infomoney.com.br/carreira/5-caracteristicas-que-voce-precisa-ter-para-construir-uma-carreira-no-mercado-financeiro/